Jogue durante o dia, treine durante a noite!

A atividade de vendas é sempre muito intensa.

Bom, pelo menos para quem está fazendo o seu melhor para as vendas acontecerem. É uma atividade que toma todo o tempo durante o horário comercial, muitas ligações, emails, mensagens de textos, visitas, deslocamentos, apresentações.

É preciso tempo para se dedicar as pessoas, escutar os clientes, falar com o pessoal da empresa, preencher propostas e formulários, resolver problemas internos e externos, o dia passa voando, a correria é grande.

Mas para crescer como profissional em vendas é preciso investir um tempo em algumas coisas muito importantes:

Reflexão. É preciso parar com calma e pensar o que está dando certo e o que não está. O que é preciso mudar no dia seguinte para o “jogo” ser melhor, para o dia ser mais produtivo, para as conversões em vendas serem melhor, para o atendimento ser melhor. Simplesmente não vale a pena sair de um dia para o outro sem refletir em como melhorar.

Conhecimento. É preciso ler alguma coisa. Um livro, uma revista de negócios, uma revista do setor, um site da concorrência, um descritivo de um produto, assistir uma palestra. A arte do vendedor está em saber usar direito as palavras, é a habilidade da argumentação que diferencia os vendedores extraordinários. E para alimentar e melhorar é preciso ler, aprender algo todo dia, estar atualizado, ter assuntos e novidades.

Planejamento. É preciso olhar para o futuro. A pergunta básica é, como serão os próximos meses se meus resultados, ou os resultados da empresa, continuarem como estão hoje? O que fazer para melhorar? Todo vendedor precisa aprender a pensar no futuro, estabelecer suas próprias metas, desdobrar seus objetivos em ações mensais, semanais e diárias e no final do dia refletir se seu plano está dando certo e mudar quando necessário.

O período do dia é o período de Ação para as vendas, é quando o jogo acontece é os melhores vendedores estão preparados para jogar bem. O período da noite é o período de Concentração e pensamento, é quando o vendedor se prepara para os jogos seguintes.

Jogue durante o dia, treine durante a noite e você será um vendedor de muito sucesso!

 

Qual o seu melhor professor? O sucesso ou o fracasso?

É famosa a história das 999 tentativas erradas que Thomas Edison teve antes de acertar e inventar a lâmpada elétrica e transformar totalmente o mundo.

Para esta história ele sempre dizia que a cada tentativa falha e tinha descoberto um jeito de não fazer a lâmpada.

Acertos e erros, sucesso e fracasso, todos podem nos ensinar muito. Tudo depende de como decidimos lidar com o que nos acontece.

A palavra chave para tirarmos aprendizado de tudo é humildade.

Quando no sucesso precisamos aprender a identificar o que fizemos de certo, como podemos repetir estes acertos, saber que precisamos continuar evoluindo e melhorando, saber que em geral nosso sucesso dependeu de outras pessoas e por vezes da sorte, da coincidência e dos ventos favoráveis que soubemos aproveitar, mas ter a humildade de saber nem tudo que tentarmos, nem em todos os momentos, poderemos repetir este sucesso.

Quando no fracasso, aprender a não jogar todas as culpas nos outros e no mundo, saber assumir erros e aprender com eles, tomar a responsabilidade pessoal das mudanças que precisam ser feitas, onde precisamos ficar mais atentos, onde precisamos nos empenhar mais e não desistir nunca, bater logo a poeira e seguir em frente.

Sucessos e fracassos fazem parte da vida das pessoas, da vida das empresas.

Não é a quantidade de sucessos e fracassos que definem o que somos, é a maneira que lidamos com uma coisa e outra que define pessoas e empresas consistentes, duradouras e vencedoras!